_PARAÍSO INFERNAL

8 & 9 de Julho | permanente

O Paraíso Infernal é um mundo muito pouco explorado pela raça humana.Os infernais, as criaturas que o habitam, são irrefutavelmente parecidos com as diferentes espécies que povoam o Planeta Terra, a sua fisionomia, as suas consciências e até as necessidades especificas de cada ser. Contudo, existem uma enorme diferença, que torna a comunicação com estes seres cósmicos bastante confusa: os diálogos por eles travados não passam pelo dom da palavra, mas sim pela constante alteração das cores dos seus corpos, para aqueles que não sabem cantar, pois os infernais que sabem cantar possuem corpos monocromáticos para não distraírem os ouvintes dos seus sons fantásticos com cores e padrões hipnotizantes. Neste mundo vivem-se as sensações transmitidas por comunicações abstractas, onde o transmissor tem tanta importância como o receptor.
Bios:
France Lellos, nascido Francisco Marques Leal, é uma criativa criatura lisboeta que actualmente estuda Arte e Design para o Espaço Público na Faculdade de Belas Artes do Porto. Incessantemente à procura de novos desafios a prática artística deste monstro passa pela escultura, fotografia, ilustração, instalação, pintura, printmaking, misturando com regularidade várias técnicas.
Meggie Prata, é uma bruxa lisboeta que actualmente estuda Arte e Design para o Espaço Público na Faculdade de Belas Artes do Porto.
Depois de ter sido rejeitada na Escola superior de Feitiçaria, licenciou-se me escultura, nunca deixando de usar a ilustração como recurso de aproximação a criaturas fantásticas com poderes horríveis.